sexta-feira, 5 de agosto de 2016

A Lenda do Dragão Branco de Olhos Azuis

A muito tempo eu estive protelando para fazer a review dos dois principais monstros de Yugioh! Mais tive um bom motivo o filme de Yugioh que vai reviver os personagens antigos com cartas novinhas saídas do forno da Konami. Varias cartas do Dragão Branco já foram liberadas e agora cartas novas para o Mago Negro estão começando a aparecer então... sabem o que significa, vamos para a review do monstro de duelos mais conhecido de Yugioh!


Desde sempre o lendário Dragão Branco de Olhos Azuis foi uma das marcas principais da franquia Yugioh como um card game, ao ponto que sua primeira aparição foi na não tão conhecida Saga 0 onde ele teve seu primeiro encontro com seu eterno rival o Mago Negro, ele ainda teve participação importante durante o filme da saga zero que introduziu o Dragão Negro de Olhos Vermelhos como sua contra parte. O Dragão Branco não é apenas uma das principais marcas registradas da franquia também é até hoje o monstro Normal com o Maior poder de ataque entre todos.

Mais vamos ser fieis as review e começar do principio... lá na época Bandai!


A origem do Dragão Branco pouco mudou assim como a pessoa que o carrega, o Dragão Branco era a carta assinatura de Seto Kaiba e como na nova versão ele foi atrás do avô do Yugi por ele possuir uma das copias dessa carta super rara. Durante a saga Kaiba fica responsável pelo lado Card Game da série, enquanto outros personagens desafiavam Yugi em outros tipos de jogos... ou o Yami Yugi usava de seus poderes para colocar o terror nos NPCs... mais estamos fugindo do assunto.

O Dragão Branco nunca chegou a ser fundido durante a primeira geração, embora a existência dos 3 dragão brancos tenha sido confirmada apenas durante o filme que uma "união" entre os monstros foi feita.


O Dragão Branco de 3 Corpos Conectados. É curioso perceber que mesmo tendo esse poder de ataque que tornou-se o mesmo do Dragão Supremo de Olhos Azuis, ele veio a ser derrotado pelo Dragão Meteoro Negro.

Isso gerou o monstro de duelo mais poderoso durante o período Bandai. Infelizmente logo após isso Yugioh iria para a Konami e reformulações iriam ocorrer.

Com o anime da temporada Zero já existindo e com a Konami querer aumentar a popularidade foi preparada uma "continuação" do anime, com novo roteiro que se diferenciava da série original de manga e seguida o novo manga de Yugioh o Duel Monsters, tudo na nova história era voltado para o card game, embora Yugioh já tivesse diversas linhas de brinquedos diferentes que incluam o Capsule Monsters uma vertente MUITO menos popular do jogo que apesar de tudo recebeu alguns jogos para Game Boy. Como sabem demorou um pouco para a Konami colocar tudo em ordem, mais no final o Dragão Branco pouco mudou recebeu o atributo Luz e ainda mais importância na trama da história embora isso só viria a ser revelado no futuro.


O Dragão Branco assim com o Dragão Negro teve diversas reprints e se considerar as versões cuja apenas o fundo da carta se altera (que ocorrer com a a terceira carta da esquerda para a direita duas vezes) ele se torna o monstro com o maior número de reprints em todo o Yugioh! Mostrando sua importância!

Seu texto é o maior entre os 3 principais monstros de Yugioh (ele mesmo, Red-Eyes e Dark Magician), seu atributo é luz, sua quantidade de estrelas é 8, seu ataque é de 3000 o maior entre todos os monstros normais e sua defesa de 2500 embora não tão grande é o bastante para impedir que ele seja destruído pela maioria dos monstros de sua geração.

Agora vamos voltar ao anime...


Com o novo anime Duel Monsters, Blue-Eyes roubou a cena logo no primeiro episódio, precisando ser derrotado por Yugi usando Exodia. E fica desde o inicio clara a obsessão de Seto Kaiba por esse dragão, mesmo tendo 3 dos 4 únicos exemplares, caçando o quarto com o objetivo que ele nunca fosse usado contra ele.

Desde então vemos as constantes tentativas de Kaiba para derrotar o Yugi, o deck de Kaiba veio a ser tomado dele por capangas de Pegasus, mais encontrou seu caminho de volta as mãos de seu dono, que se viu forçado a enfrentar Yugi novamente a fim de resgatar seu irmão Mokuba, não demorou muito para Kaiba bolar uma nova estratégia. Criando pela primeira vez a fusão dos 3 dragões brancos.


O Blue-Eyes Ultimate Dragon ou Dragão Supremo de Olhos Azuis, é um dos monstros de Fusão com o ataque mais elevado em toda a franquia e mesmo hoje são poucos os monstros que sem uso de Efeito conseguem atingir ou ultrapassar seu poder de ataque destrutivo de 4500!

Apesar da tática acertada de Kaiba, o protagonismo grita mais alto e Yugi quase vem a derrotar Kaiba que faz papelão pra não ser derrotado... ou quase... por algum motivo aleatório, após Yugi cortar 1 das cabeças do Dragão Branco de Olhos Azuis com o Guardião Celta, Kaiba revive essa cabeça e passa o turno sem qualquer motivo... mais não vou entrar em detalhes disso agora!

Após vencer Yugi, Kaiba enfrenta Pegasus é acaba por ter um de seus Dragões Brancos transformado em um Monstro Toon, que faz parte da estratégia de Pegasus.



Kaiba ainda consegue derrotar a versão Toon de seu monstro favorito, mais acaba sendo derrotado por sua própria Armadilha. Perdendo sua alma e ficando inerte até o final da Saga do Reino dos Duelistas.

Após ser resgatado por Yugi e receber o título de Rei dos Duelistas, Kaiba realmente começa a tratar Yugi como um rival e respeita-lo. A próxima participação de Blue-Eyes ocorre a mini-saga do Jogo Virtual de Kaiba, onde Kaiba é capturado pelos 5 executivos da Kaiba Corp. e é resgatado por Yugi seus amigos e Mokuba... ou quase. Durante a batalha final os 5 Executivos invocam o Five Headed Dragon ou F.G.D (Five-Headed God Dragon) o monstro fusão com Atk de 5000, num terreno onde apenas Dragões poderiam lutar, após perder seus amigos um a um, Kaiba e Yugi fundem o Dragão Supremo de Olhos Azuis com o Soldado do Lustro Negro (Black Luster Soldier) e criam o Dragon Master Knight ou Mestre Cavaleiro dos Dragões uma fusão que também possui Atk de 5000 porém, ele ganha 500 de ataque para cada dragão em campo e no cemitério.


Agora uma pequena pausa para o Yugioh Capsule Monster anime... Kaiba aparece no anime, mais quem veste a armadura do Dragão Branco é o Yugi.... protagonismo viva com isso!


De volta a nossa programação normal... durante a saga seguinte a Batalha da Cidade, temos mais algumas pistas sobre a relação de Kaiba com o Blue-Eyes quando esse enfrenta Ishizu ou Isis no original. Temos então um filler que fala mais do passado do Kaiba mais nada muito relevante, logo temos mais informações durante o duelo final entre Yugi e Kaiba durante as semi-finais da batalha da cidade, quando vemos Seto segurar o corpo de uma mulher diante de uma rocha com a imagem do Dragão Branco.

Porém, só teríamos mais informações sobre o caso no final da saga... e fora uma união parcial com Critias e Tyrant Wing, o Dragão Branco não fez muito mais que destruir coisas de forma maneira. Então vamos dar um pulinho pra saga final!

Durante a saga final de Duel Monsters, somos levados para o período onde Yami Yugi (aka. Faraó Atem) reinava no Egito, Seto era um de seus leais servos durante esse período e entre outras atividades casuais da corte ele também buscava por criminosos para separar seus Ka e seus Ba para erguer monumentos de monstros, expliquei um pouco sobre o Ka e o Ba durante a review do Black Luster Soldier.

Num desses dias Seto acaba esbarrando com uma situação estranha, uma jovem de longos cabelos brancos, pele branca (lembre era Egito então a maioria do pessoal era bronzeado) e olhos azuis seu nome era Kisara. Ela estava sendo maltratada e Seto originalmente a ajuda, porém, um dos mais velhos servos do Faraó pretende extrair o poder que existe dentro dela. Ao poucos Seto começa a lembrar-se de uma jovem muito parecida com ela que ele havia salvado anos atrás quando era apenas um aldeão. Na mesma noite que ele a salvou foi o dia que ele viu pela primeira vez o Dragão Branco de Olhos Azuis que veio a salva-lo.


Durante uma tentativa para extrair o poder de Kisara, Seto descobre e pula em seu resgate mais acaba por se colocar em perigo, Kisara que se negou em se defender durante todo o combate ao ver Seto em perigo libera o poder do Dragão Branco para salvar Seto.

Após muitas coisas ocorrerem, o homem que deseja extrair o poder de Kisara revela ser pai de Seto, não apenas isso também diz que ele é irmão do pai de Atem, fazendo assim Seto primo de Atem, ele tenta convencer Seto a trair Atem e juntar-se a ele, mais Seto rejeita e ambos entram num confronto, cujo qual Kisara acaba se sacrificando de corpo e alma para proteger para toda a eternidade Seto como o Dragão Branco de Ohos Azuis.

O Dragão Branco de Olhos Azuis é toda a bondade e luz que existe dentro de Kisara e essa vem a se provar uma das poucas forças junto dos Deuses Egípcios capaz de ferir Zork, o grande vilão de Yugioh, sendo que mesmo Exodia não havia sido capaz de feri-lo realmente apenas atrasa-lo. Embora poderosa e composta de pura luz, Zork acaba por derrotar o Dragão Branco, porém, o Seto Kaiba que havia sido tragado para os eventos por Bakura, estava presente durante o ocorrido e consegue invocar o Dragão Supremo de Olhos Azuis, que consegue empatar em poder bruto com Zork e ambos ficam em um impasse até Atem fundir-se com o Dragão Supremo e virar o Mestre Cavaleiro dos Dragões, mais isso torna a luz desse monstro impura (uma vez que o Soldado do Lustro Negro é do tipo terra) e Zork acaba conseguindo destrui-lo.



 Ele voltou no filme Yugioh e a pirâmide da luz com uma nova forma chamada Blue-Eyes Shining Dragon uma poderosa incarnação que foi a chave para a vitória de Kaiba e é a salvação de todos após a reencarnação de Anubis.

 Antes de entrarmos novamente no Card Game preciso mencionar, todas as aparições do Dragão Branco ao longo dos demais animes... não são tantas...


Em yugioh Gx, Kaiba aparece raramente mais nunca duela, no lugar dele quem utiliza o deck com cartas de Olhos Azuis é Kaibaman que aparece como um espírito de duelo carregado com todo o ego do Kaiba. Ele literalmente varre o chão com Jaden. No entanto Alexis (Asuka) durante um duelo que esta "possuída" ela utiliza um monstro com mesmo tipo, ataque, defesa e level chamado Blue Ice White Night Dragon que hoje é chamado apenas de White Night Dragon no TCG, fora isso ele é do atributo água.

Durante a geração 5D's como o Olhos Vermelhos ele apenas reaparece no filme como um monstro Malefic ou Sin. No entanto o café favorito de Jack Atlas é chamado de Blue-Eyes Mountain que custa 3.000 yens ou BP nos jogos Tag Force.


Como ocorreu com Red-Eyes ele apenas fez aparição em Zexal como um Monstro Estátua no entanto dois óbvios descendentes desse dragão fizeram sua aparição na saga, Galaxy-Eyes Photon Dragon e Galaxy-Eyes Tachyon Dragon. Ambos dragões partilham atributo, ataque, defesa, level ou rank e tipo exatamente iguais ao do Blue-Eyes.

Como o Red-Eyes não fez qualquer aparição durante a geração Arc-V.



Ainda sim, graças ao novo filme Yugioh! The Darkside of Dimensions, ambos Blue-Eyes e Dark Magician ganharam mais suporte e novas formas. Mais prefiro falar sobre elas na parte de TCG!

Terminei agora vamos falar apropriadamente de sua trajetória no TCG.


Tudo começou bem no principio com o Dragão Branco de Olhos Azuis, o mais poderoso monstro normal até hoje em termos de ataque e defesa! Com seus 3000 de ataque e 2500 de defesa, por muitos anos pouquíssimos monstros foram capazes de peitar seu poder sem algum equipamento para melhor seu ataque ou similares.

Veio a existir sim monstros com ataque superior a ele ainda na primeira geração de Yugioh tal como Masked Beasts tanto o Ritual quanto o monstro de Efeito desse gênero (que nem pode ser chamado de Arquetipo) tinham mais de 3000!

Sendo do atributo Luz, existem poucos suportes no atributo para ele, mais os poucos que tem tornam ele mais perigoso.


Não sei quem veio antes agora efetivamente na versão da Konami no que diz respeito a liberação da carta, no ocidente saiu primeiro então vou ficar com ele antes! O dragão branco modo Pegasus. É a primeira versão com efeito do olhos azuis... mais seria melhor talvez se não tivesse efeito. E ele não pode ser invocado de forma normal, ele precisa ser Invocado Especialmente da mão por tributar 2 monstros em campo enquanto você controlar um Toon World (sem Toon World sem Blue-Eyes), ele precisa pagar 500 pontos de vida para atacar. E não pode atacar no turno que é invocado. Mais depois de tanto problema, ele tem um efeito até que muito bom, enquanto você controla Toon World e seu oponente não possui qualquer monstro com Toon no nome ou Manga, ele pode atacar a vida do oponente diretamente. Você pode até reviver ele do cemitério ou trazer ele de volta dos banidos, desde que primeiro ele tenha sido invocado pelo seu método especial.


O primeiro "extra" ao Olhos Azuis veio praticamente quando Yugioh saiu da Bandai para a Konami, com a versão aprimorada da união dos 3 dragões brancos, agora fundidos em um e chamado Supremo Dragão Branco de Olhos Azuis. Com um esmagador poder de ataque de 4500 e uma defesa de 3800. Por toda a geração apenas 2 monstros ultrapassaram seu poder de ataque e um deles era outra fusão usando ele mesmo!

A fusão era feita usando uma carta de Polymerization ou Polimerização aqui ou ainda apenas Yugo (Fusão) no japonês. E 3 dragões brancos, como deve imaginar não era exatamente a coisa mais rápida que você fazia no duelo. E quando fazia nem sempre era tão fácil manter ele no campo, pois ninguém iria tentar destrui-lo em batalha e por isso, normalmente tentavam usar mágicas ou armadilhas para destrui-lo, como Dark Hole e Mirror Force (quando tinham).

Na época, fazer esse monstro não era muito útil dado a grande quantidade de materiais para cria-lo, ele tornou-se mais viável quando foi lançado Dragon's Mirror, que permite realizar fusões de monstros dragões do cemitério, por remove-los de jogo. Hoje existe meio diversos para invoca-lo sem ser tão custoso para a mão.


Outra fusão que foi criada e um tanto mais viável foi o Dragon Master Knight. Você o cria usando 1 Dragão Supremo de Olhos Azuis e 1 Black Luster Soldier. Perá, se você tem que usar uma fusão e um ritual pra fazer ele como assim ele é mais viável? Muito simples, existe desde o inicio monstro que servem como substitutos de material de fusão. Substituindo o Dragão Supremo por um deles, basta utilizar o Black Luster Soldier que não precisa estar no campo para ser usado. Mais fácil né? Bastante... Continuando! E qual é o grande extra? Esse Monstro tem o maior ataque e defesa base em todo o Yugioh até hoje rivalizando apenas com outra fusão o FGD ou Five-Headed Dragon. Meros 5000 de ataque e defesa!

E não apenas isso ele foi o segundo "Olhos Azuis" a ter efeito, para cada outro dragão que você controla (sem contar ele mesmo) ele ganha ainda +500 de ataque. Sim essa coisa pode ficar ainda mais forte num máximo de 7000 por seu próprio efeito tendo outros 4 dragões virados para cima no campo.


E o primeiro de todos os monstros Rituais do tipo Dragão, o Paladino do Dragão Branco e seu ritual. Com relação ao Ritual não a nada de especial com ele. Ele realmente apenas invoca o paladino sem efeitos secundários, por isso ele logo foi substituídos por outros métodos de ritual. Já o Paladino tem um efeito mais interessante. Além de ser um monstro de 1900, na épica que ele surgiu monstros com esse poder de ataque são particularmente úteis. Ele possui não um mais sim 2 efeitos! Primeiramente quando ataca um monstro em defesa virado para baixo, ele pode destrui-lo sem vira-lo. E segundo, ele pode ser tributado para invocar um Dragão Branco de Olhos Azuis diretamente do Deck ou da mão, mais ele não pode atacar nesse turno, portanto era mais interessante atacar com ele um monstro em defesa e posteriormente invocar o olhos azuis.

Agora uma pequena desviada do assunto para falar do paladino... ele apareceu em algumas cartas ainda...

Sua armadura faz as parte de Raregold Armor ou Armadura de Ouro Raro. Que enquanto um monstro estiver equipado com essa carta seu oponente não pode escolher outro monstro como alvo de ataque.


A Ritual Weapon ou Arma Ritual, que pode ser equipada num monstro ritual de level 6 ou inferior e aumenta seu poder de ataque em 1500. Na época aumentar 1000 de ataque já era bom... imagina 1500, ainda sim por ser apenas em ritual de um certo level e existiam bem poucos, não foi lá muito usada.


Kishido Spirit foi outra carta que ele apareceu, não era tão relevante, pois seu efeito era impedir que SEUS monstros com o mesmo ataque que o do oponente não pudessem se destruir em batalha. Não é o tipo de coisa que acontecia muito, mesmo na época onde todo mundo usava monstro com 1900 de ataque!


Sua ultima aparição foi como zumbi no mesmo deck que veio o Red-Eyes Zumbi. Essa versão zumbi era capaz de invocar um monstro zumbi do cemitério do oponente que tivesse sido destruido em batalha, para o seu lado do campo. Esse efeito era suportado pelo campo Zumbie World que tornava o campo e o cemitério do inimigo em zumbis. Isso termina a parte do paladino, voltando ao dragão branco!


No filme Yugioh! A Pirâmide da Luz, Seto vai diretamente até Pegasus para exigir um carta que pudesse enfrentar os Deuses Egípcios de Yugi, Pegasus tinha feito essa carta na incarnação "supostamente" suprema dos Olhos Azuis, o Dragão Brilhante de Olhos Azuis. Para invocar ele você precisa tributar o Dragão Supremo em campo. Parece bem idiota fazer isso, mais lembra quando mencionei que uma das maiores dificuldades era manter o Dragão Supremo vivo no campo. Bem esse ai tem suas vantagens. Embora comece com meros 3000 de ataque e 2500 de defesa. Seu poder de ataque sobe em 300 para cada monstro do tipo Dragão no seu cemitério. Não apenas isso você pode negar qualquer efeito de carta (monstro, mágica ou armadilha) que faça alvo nele. Até ai não parece muita coisa mais o grande truque é que você "PODE" negar, não precisa, efeito benéficos, como equipamentos e outros podem ser usados livremente nele. Além, disso se colocado na ponta do lápis sem truques o ataque mínimo desse monstro é 4200 pouquíssima coisa a menos que o Supremo (3 olhos azuis + o supremo), em um deck mais dedicado a dragões esse poder pode atingir níveis realmente preocupantes. Claro ele ainda pode ser removido do campo por efeito não fazem alvos ou que afetem todas as cartas no campo.

No anime além desse efeito ele também poderia ser tributado para destruir qualquer carta em campo ignorando inclusive efeito que diziam que a carta não poderia ser destruída.


Blue-Eyes ganhou a carta mágica, que tendo um deles no campo, você pode gritar com gosto a frase que Kaiba mais fala no anime (ao menos no Japão) Burst Stream of Destruction, que destrói todos os monstros no campo do oponente, sem dó, o dragão branco deve estar no campo para ativar essa mágica e ele não poderá atacar no turno que ativa esse efeito.


E no inicio da saga GX tivemos, ELE que é ferro e fogo KAIBAMAN... desculpe... força do habito. Um guerreiro de luz que representa o nosso bom e velho Kaiba. Seu efeito é simples tributa ele e invoque um Olhos Azuis da mão. Sem truques adicionais. Ele veio a ser um tanto usado por ser facilmente buscado do deck pelo Sangan e Reinforcement of Army.


Em algum momento da geração 5D's criaram A Pedra Branca da Lenda, um ovo de olhos azuis, que o efeito era. Quando ela é mandada pro cemitério (não importa como ou de onde) coloque um dragão branco de olhos azuis do deck na sua mão. Lindo né? Além disso ele é um monstro Tuner que permite ser usado em invocação Synchro e porque isso é relevante, porque depois saiu um deck!


O Dragão de Prata de Olhos Azures, que embora o nome não o conecte diretamente com o olhos azuis, faz óbvia parte da família. Especialmente sendo um monstro synchro de level 9 (Blue-eyes 8, White Stone 1), ele ainda protege os monstro Dragões de efeito que realizam alvo e pode invocar um monstro normal do cemitério durante a fase de preparação.


Não apenas esse novo Synchro, mais também a bela Dama com Olhos de Azul, que é a incarnação de Kisara como carta assim como Kaibaman é do Kaiba. Se ela for alvo de ataque ou efeito de carta, você pode invocar do seu deck, mão ou cemitério um Dragão Branco de Olhos Azuis, se ela for atacada, em particular, ela muda de posição e nega o ataque! No entanto seu efeito só é ativado uma vez por turno.






Ele ganhou uma forma XYZ, como prêmio de um torneio e veio com aquele efeito típico de cartas desse gênero, cause dano e vença o match inteiro.


Depois disso o Olhos Azuis olhou orgulhoso para seu substituto em Zexal, Galaxy-Eyes Photon Dragon, que utilizava mais a mecânica de Xyz e etc. Mais a lenda iria retornar e com força total.


Um deles é o curioso Dragão Branco de Olhos Profundos. Ele pode ser invocado quando um monstro com "Olhos Azuis" que você controla é mandado para o cemitério por batalha ou efeito de carta. Ele entra no campo e infligi 600 de dano para cada monstro do tipo dragão com nomes diferentes no cemitério. Quando ele é invocado você pode escolher 1 monstro dragão no cemitério e ele ganha ataque igual ao ataque do monstro escolhido. Quando ele é destruído por efeito, destrua todos os monstros no campo do oponente.


O Dragão Branco Alternativo de Olhos Azuis. Uma das mais fortes e úteis versões do Olhos Azuis a aparecer. Ele não pode ser invocado ou setado normalmente. Ele deve ser invocado especialmente por revelar um "Dragão Branco de Olhos Azuis" da sua mão para o oponente. Você só pode invocar 1 Dragão Branco Alternativo por vez. Seu nome se torna apenas "Dragão Branco de Olhos Azuis" enquanto esta no campo e no cemitério, para ajudar a fazer as fusões e usar todas as cartas de suporte até então... exceto o Paladino que o invoca do deck e no deck seu nome não conta. E por fim você pode deixar de atacar com ele para destruir um monstro no campo do oponente. Caso os 3000 de ataque não sejam o bastante para destruir um monstro inimigo.


O Dragão Espírito de Branco é outra versão do Olhos Azuis, cujo principal efeito é que seu nome sempre é tratado como "Olhos Azuis" a fim de se aproveitar de algumas cartas que ajudariam monstros com "Olhos Azuis" no nome. Ele também é tratado como um monstro normal enquanto esta na sua mão e cemitério. Quando ele é invocado de forma normal ou especial, você pode escolher uma mágica ou armadilha do oponente e banir ela. Durante o turno de qualquer jogador, se o oponente controla um monstro, você pode tributa-lo para invocar 1 "Dragão Branco de Olhos Azuis" da mão.


Uma nova e mais poderosa versão da Pedra Branca, A Pedra Branca dos Anciões. Uma vez por turno, durante o fim do seu turno, se esta carta estiver no seu cemitério e tenha sido mandada neste turno para o cemitério. Você pode invocar 1 "Olhos Azuis" do seu deck. Você ainda pode banir esta carta do seu cemitério, escolher um "Olhos Azuis" no seu cemitério e adicionar a mão. Você só pode usar o efeito de uma carta chamada "Pedra Branca dos Anciões" uma vez por turno.


Um novo Synchro dessa vez levando o nome da família, Dragão Espírito de Olhos Azuis. Só pode ser feito com um monstro Dragão Branco como base, além de um tuner. Enquanto ele esta no campo nenhum jogador pode invocar 2 ou mais monstros de forma especial de uma vez. Uma vez por turno durante o turno de cada jogador, quando um efeito é ativado no cemitério, você pode nega-lo. Durante qualquer turno, se ele foi invocado por Synchro ele pode ser tributado para invocar um monstro Synchro do tipo Dragão e atributo Luz do seu extra deck em modo de defesa., mais ele é destruído no final do turno, você não pode invocar uma copia dele.

Um novo ritual...


O Dragão do Caos Maximo de Olhos Azuis, uma incarnação bem poderosa. Ele não pode ser invocado de nenhuma outra maneira se não por invocação de ritual. Ele não pode ser alvo ou destruído por efeitos de cartas de seu oponente. E se ataca um monstro oponente em modo de defesa ele causa  dano perfurante dobrado.

 Seu ritual é bem curioso pois permite invocar um monstro ritual que tenha "Caos" no nome e o "Black Luster Soldier" pois vale lembrar no Japão ele é chamado de Chaos Soldier! Além de funcionar como todos os rituais, ele também permite banir monstros "Dragão Branco de Olhos Azuis" ou "Mago Negro" do cemitério para pagar o custo de Ritual.

Além deles, ganhou ainda 2 fusões!


O primeiro é o Dragão Burst(não sei uma boa tradução pra isso) Gemeu de Olhos Azuis. Ele é feito usando 2 Dragão Brancos de Olhos Azuis em seu campo sem a necessidade da carta de Polymerization e não pode ser invocado de outra forma (essa é chamada de Fusão de Contato e começou na verdade com o XYZ Dragon Cannon do Kaiba). De qualquer forma embora seu ataque e defesa não mudem o que parece um motivo para não gastar seu espaço de extra deck com esse sujeito. Ele vem com uns efeitos interessantes, primeiro ele não pode ser destruído em batalha. Ele pode atacar 2 monstros por turno. E quando ele ataca um monstro oponente que não é destruído por batalha ele pode banir esse monstro. Esta bom né?


E o Neo Dragão Supremo de Olhos Azuis, esse aqui você precisa da boa e velha Polymerization. No final do ataque que esta carta lança e é a única carta virada para cima no seu campo e tenha sido invocada por invocação de fusão, você pode mandar um monstro fusão com "Olhos Azuis" do seu extra deck pro cemitério, se o fizer esse monstro ataca de novo. Você só pode usar esse efeito duas vezes por turno. Durante o turno de qualquer jogador se um monstro com "Olhos Azuis" é alvo de um efeito você pode banir esta carta do seu cemitério negar seu efeito e destruir a carta que ativou o efeito.

Mais não foi apenas de novos dragões que o nosso Olhos Azuis ganhou suporte...


Começando com o Protetor com Olhos de Azul. Quando ele é invocado de forma normal, você pode invocar especialmente 1 monstro tuner de luz de level 1 (praticamente todas as cartas do olhos azuis q não são Dragões nessa remeça) Você pode escolher 1 monstro de efeito que você controla manda-lo para o cemitério e invocar 1 "Olhos Azuis" da sua mão. Você só pode usar o efeito de uma carta chamada "Protetor com Olhos de Azul" uma vez por turno.


Mestre com Olhos de Azuis. Quando invocado de forma normal. Você pode escolher 1 monstro tuner level 1 de luz em seu cemitério, adicionar a sua mão. Você pode embaralha esta carta do seu cemitério em seu deck, então escolher 1 monstro de efeito que você controla, mandar para o cemitério e se fizer isso, invocar especialmente 1 "Olhos Azuis" do seu cemitério outro que não seja o monstro enviado. Você só pode usar o efeito de uma carta com o nome dele uma vez por turno.


Sabio com Olhos de Azul. Quena esta carta é invocada de forma normal. Você pode adicionar 1 monstro de Luz, tuner de level 1 do seu deck a sua mão, exceto outro dele. Você pode descartar esta carta, então escolher 1 monstro de efeito que você controla, manda-lo para o cemitério e se fizer isso invocar especialmente 1 "Olhos Azuis" do seu deck. Você pode usar o efeito de uma carta com seu nome apenas uma vez por turno.


E a nova representação de Kisara, a Sacerdotisa com Olhos de Azul. Durante o turno de qualquer jogador, quando um efeito de carta é ativado que faça alvo esta carta virada para cima, você pode mandar 1 monstro de efeito que você controla para o cemitério e adicionar até 2 monstros com "Olhos Azuis" e nomes diferentes do seu deck para sua mão. E se esta carta estiver em seu cemitério você pode retornar um monstro com "Olhos Azuis"que você controla pro deck e invocar ela no campo. Você só pode usar o efeito de uma carta com o nome dela uma vez por turno.

Além de monstros ouve algumas cartas magicas...


A Neutron Blast, é uma carta para o Dragão Supremo original. Escolha 1 Dragão Supremo que tenha sido invocado por Fusão, ele poderá fazer 3 ataques por fase de batalha, além disso as cartas e efeitos de seu oponente não podem ser ativadas até o final da fase de dano. Cuidado portanto se alguem invocar o Dragão Supremo clássico contra você!


Se você não controla outro Beacon of White (to cansado de traduzir... desculpe) e tem 3 ou mais monstros com "Olhos Azuis" escolha 1 deles, invoque e seus efeitos são negados, esta carta é equipada nele. Quando esta carta deixa o campo, bana o monstro equipado. Outros monstros que você controla não podem atacar, mais o monstro que você controla pode atacar uma vez para cada monstro com "Olhos Azuis" no seu cemitério.


Honor of Blue Eyes, essa mágica rápida possui um efeito muito interessante. Mandando um monstro com "Olhos Azuis" do seu deck ou mão pro cemitério, escolha um monstro oponente, enquanto esse monstro estiver no campo virado para cima, ele não poderá atacar! Uma das poucas cartas cujo efeito é permanente e ela não fica no campo, lembre de deixar essa carta a vista quando estiver duelando com alguém, para ele não esquecer o efeito dela.


E para terminar, o terreno para os humanos do Olhos Azuis, Mausoleum of White, durante a fase principal, você pode invocar normalmente 1 monstro tuner light em adicional a sua invocação normal ou set. (Você só ganha esse efeito uma vez por turno então não adianta colocar outro terreno por cima). Uma vez por turno, você pode escolher 1 monstro virado para cima que você controla, mandar 1 monstro normal da sua mão ou deck pro cemitério e se você fez isso, o monstro escolhido ganha ataque e defesa igual ao level do monstro mandado para o cemitério x100., até o fim desse turno (mesmo que a carta deixe o campo). Você pode banir esta carta no seu cemitério para adicionar do seu deck para a mão 1 "Burst Stream of Destruction".

Acho que é só isso... por hora. Nossa demorou muito pra terminar essa postagem, acreditam que ela era pra ter saido a mais de 5 meses? Oohh bem... ao menos terminamos.

Esse é o Dragão Branco de Olhos Azuis, sem duvida o mais icônico monstro de duelo em todo o Yugioh, conhecido por fãs e aqueles q só ouviram falar por alto. E quando você é famoso assim, acho que inegavel sua lenda!


Nós vemos na próxima vez quando vou tentar trazer a review do mago negro. See Yah!

7 comentários:

  1. Muito show o review! eu estava caçando informações sobre o olhos profundos e vim para aqui XD
    mas valeu a pena, fiquei ansioso pelo review do mago negro.
    agora uma pergunta: quando algum dos humanos com azul nos olhos e destruído(tirando a donzela)eu posso invocar o olhos profundos também, ou será que só funciona pros dragões?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente não. Como Lucas mencionou.

      Excluir
  2. Não mesmo só se um deles tiver efeito de colocar um monstro dragão branco no cemitério de forma especial mas existe cartas e traps que ressucita o dragão branco

    ResponderExcluir